quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Ha tempo para tudo...




A cada dia que passa, percebemos como o tempo voa. E quando se tem um pequerrucho crescendo debaixo de nosso nariz, essa confirmacao fica cada vez mais evidente.




O Kiyo fez 3 anos esses dias, mas desde que ele nasceu temos que lutar contra a mare de palpites sobre o que fazer e como proceder. Para tudo isso eu digo: ha tempo para tudo.




Em nossa vida como pais, tivemos varias situacoes onde esse dizer nos veio a calhar precisamente. Eis alguns exemplos...








O Kiyo dorme no nosso meio desde que nasceu. E ouvimos desde entao que ele precisa dormir no seu berco/cama/colchao para que seja independente. Para isso eu digo: ha tempo para tudo. O Kiyo nao precisa ser "independente" nesse exato momento. Ele precisa construir sua auto-estima e confianca. Ele precisa ter certeza que estamos com ele e que nao o deixaremos desamparado quando precisar. Uma vez que essa seguranca esteja construida, aih ele pode desbravar um quarto escuro por si so. Por hora, o tempo eh de dormir bem aconchegado no meio, segurando a mao do papai de um lado e da mamae do outro e tendo a certeza de que estaremos ali para espantar os "caras malvados" de seus pesadelos.









O Kiyo mama aos 3 anos. Escuto varios comentarios, alguns ate maldosos, de como essa pratica "prejudica o desenvolvimento dele" e como ele vai ser totalmente dependente de mim depois que for maior. Para isso eu digo: ha tempo para tudo. O Kiyo mama porque eh o tempo dele mamar. Ele eh um ser unico que nao precisa ser forcado a fazer ou deixar de fazer algo. Jah me basta o fato de ter "forcado" seu nascimento com uma cesarea. Se ele estah mamando, eh porque precisa. Talvez nao precise do leite como fonte alimentar principal, como era o caso no inicio. Mas ele ainda conta com o peito como fonte de afeto e carinho, como uma ligacao unica entre ele e a mamae. Forcar para largar o peito eh o mesmo que violentar esse tempo tao importante para o amadurecimento emocional dele. E isso eu me recuso a fazer.


O Kiyo nao vai para a escola. Desde que se passaram os 4 meses de "licensa maternidade", percebo alguns olhares de desaprovacao porque nao escolhemos colocar o Kiyo na escolinha/maternal/creche. Esses olhares se transformaram em comentarios quando o Kiyo completou 1 ano, 2 anos e agora 3 anos. Para isso eu digo: ha tempo para tudo. Ele nao precisa ir para uma escola se tanto eu quanto o Jeff conseguimos lhe dar os cuidados de que ele precisa. Em casa ele tem a atencao que requer, a alimentacao que convem e muito amor. Se nao ha uma necessidade em manda-lo para a escolinha, nao vamos dar a terceiros o prazer de ver o nosso filhote crescer. O fato de nao colocarmos o Kiyo na escolinha em momento algum impede que ele tenha uma vida social bem resolvida. Enquanto moravamos no Brasil, ele brincava diariamente com outras criancas de idades variadas. Agora que estamos nos EUA, ele sempre vai a praia ou ao parquinho e nao demora muito jah estah cercado de criancas para brincar com ele.


Sinto que o Kiyo estah crescendo, e rapido. Percebo o quanto ele amadureceu desde que nasceu. Jah nao tenho mais um bebezinho indefeso. O Kiyo eh um menino forte e docil, com personalidade mas flexivel as mudancas... ele estah crescendo e sinto que logo serah tempo de outras aventuras, outras descobertas, outras indagacoes. Por hora, fico feliz em apenas estar ao seu lado segurando sua mao a cada passo.

2 comentários:

Bete Strøm disse...

Oi Dani, td bem?? Eu curto pra caramba o seu blog, pois sou mãe de primeira viagem e gosto de pesquisar experiência.
Eu como você também nem ligo com opiniões contrária de pessoas que querem interferir na forma em que criamos nossos filhos, pretendo ficar com o meu bebê até 3, 4 anos, pois desta forma ele saberá que sempre poderá contar comigo e com o pai dele.
Visite o meu também, e ficarei muito feliz se vc passar a me seguir. Beijos no coração
http://betestrom.blogspot.com/

Bete

Bete Strøm disse...

Pois é Dani,

Continue retribundos suas experiências que eu continuarei lendo, assim trocaremos experiências!

Seu bebê também é muito fofo e parece bem esperto!

Bom dia beijos no coração Felicidade para você e sua familia!!!

Bete Strom